Você comeria carne de cachorro se fosse ao Vietnã?

Durante minhas viagens de moto pelo Vietnã vi muitos cachorros sendo transportados em gaiolas e em alguns mercados vi o corpo deles à venda, é bem diferente estar em um país onde a carne de cachorro faz parte do cardápio. Não sou hipócrita e sei que cachorros são tão animais quanto porcos e vacas, mas no começo é bem chocante vê-los expostos nos comércios locais.

Era difícil encontrar carne de cachorro em lugares muito turísticos, mas em Hanói e nas proximidades existem restaurantes onde todo o menu compreende carne canina. Perguntei para uma garçonete de outro restaurante uma vez e ela respondeu que ter cachorro no menu afastava os turistas, também perguntei se era bom e ela disse que era delicioso, mas por ser uma carne cara não é para todos os dias.

Photo 28-07-15 10 05 53

Carne de cachorro é mais popular no norte do país e acredita-se trazer boa sorte na cultura vietnamita, é geralmente servida em ocasiões especiais, reuniões de família e eventos importantes. Segundo a Aliança de proteção canina na Ásia, antes de 2014 mais de 5 milhões de cães eram abatidos todos os anos, e que hoje esse número tende a cair pois a renda das famílias no Vietnã tem aumentado, todavia ainda é um costume muito enraizado na cultura local e a carne de cachorro é bem cara, tê-los como pet é um “luxo”.

Comer cachorro não é uma singularidade apenas do Vietnã, países como China, Coreia do Norte e Coreia do Sul também tem essa tradição, cada uma com suas crenças e particularidades, até 2014 mais de 25 milhões de “amigos do homem” no mundo foram destinados ao consumo humano.

IMG_5076

No Vietnã comia muito Phò, uma sopa com noddles, vegetais e carnes, acho que eles não deviam misturar cachorro lá no meio por ser caro, então se comi não sei ao certo. O preço variava de região para região e qual tipo você queria, com porco ou com frango, era em torno de 30.000 a 50.000 dongs (U$ 0,75 a U$ 1,5). Mas meu preferido mesmo era uma baguete chamada Banh Mi, tinha tanta coisa lá dentro e no final a combinação de sabores era deliciosa e bem barato, nos lugares não turísticos pagava de 15.000 a 20.000 Dongs, (U$0,50), já nos centros turísticos custavam uns 40.000 dongs (U$1). Geralmente tinha porco ou frango, muitos vegetais, molhos e patês típicos numa baguete generosa, suficiente para matar minha fome e era bem fácil de achar, sempre tinha alguém vendendo na rua.

Photo 29-07-15 22 37 18

Fonte: https://en.wikipedia.org/wiki/Dog_meat